Título Original: A Series of Unfortunate Event
Autor: Daniel Handler (pseudônimo: Lemony Snicket)
Ilustração: Brett Helquist
Livros: 13
Títulos: Mau Começo, A Sala dos Répteis, O Lago das Sanguessugas, Serraria Baixo-Astral, Inferno no Colégio Interno, O Elevador Ersatz, A Cidade Sinistra dos Corvos, O Hospital Hostil, O Espetáculo Carnívoro, O Escorregador de Gelo, A Gruta Gorgônea, O Penúltimo Perigo, O Fim.

Violet, Klaus e Sunny Baudelaire são três crianças muito especiais. Violet é um inventora brilhante, Klaus, um leitor voraz que nunca esquece nada que leu, e Sunny, uma bebê com quatro dentinhos extremamente afiados. Os irmãos Baudelaire viviam em uma bela mansão, com seus amáveis pais, quando subitamente viraram órfãos. Seus pais morreram num terrível incêndio que destruiu sua casa e a vida que eles conheciam.

Sr. Poe, o banqueiro responsável por administrar a herança dos Baudelaire, também vira responsável por achar-lhes um novo lar. O primeiro de muitos, foi com o ator Conde Olaf, o parente mais próximo em localização da antiga mansão da família, mas, muito distante na árvore genealógica.

Olaf, com o único interesse de ficar com a herança das crianças, vira seu novo tutor legal e transforma a vida dos irmãos em um inferno, tentando a todo momento pôr as mãos no dinheiro dos Baudelaire. Quando percebem, quase tarde demais, a crueldade do Conde Olaf, tiram as crianças da guarda dele, mas, antes de fugir, jura roubar a fortuna dos órfãos.

Conde Olaf e sua trupe de teatro perseguem os Baudelaire para cada lar que são mandados. Olaf, sempre disfarçado, engana os adultos e traz terror as crianças, que utilizam de seus talentos para achar um jeito de desmascarar o seu terrível arqui-inimigo.

A bondade, o carisma e a inteligência das crianças, torna-os cativantes ao leitor, nos fazendo torcer a todo momento para revelar a verdadeira identidade de Olaf. Por outro lado, os adultos não perceberem quem ele realmente é, faz com que o leitor passe raiva, para mim, o que mais me irritou foi o Sr. Poe.

Um ponto peculiar dos livros, é ter o autor pseudônimo Lemony Snicket narrando a história dos órfão Baudelaire como se fosse fruto de suas pesquisas e criasse essa série de livros como uma biografia não autorizada. Sua forma de narração prende o leitor ao livro e transforma uma leitura que deveria ser trágica e extremamente triste, em uma ótima leitura para crianças e adultos.


45 comentários

Lilian Stéfani Huzyk · 24 de abril de 2018 às 14:21

Sempre ouvi muito dessa série, inclusive assisti a adaptação, porém nunca cheguei a ver a série. Na real algo na premissa não me encanta muito, ainda assim parece ser uma ótima aventura!

//www.leitorasvorazes.com.br/

    Nanda · 28 de abril de 2018 às 08:51

    Ela é muito cansativa, por ser longa, mas, é bem legal. Parece que a série da Netflix vai explorar bastante os livros, então vai ser quase como lê-los (com algumas muitas diferenças de adaptações) haha’

Felipe Lange · 24 de abril de 2018 às 15:33

Adoro essa série de livros, me lembra minha infância
Blog Entrelinhas

    Nanda · 28 de abril de 2018 às 08:56

    Que feliz

Jéh DiáriodosLivros (@Diarieofbooks) · 24 de abril de 2018 às 17:40

Oie,

Ainda não li os livros, mas assisti os filmes várias vezes e adoro a trama.
Já está na lista, tanto quando a série.

Bjs!
Diário dos Livros
Siga o Instagram

    Nanda · 28 de abril de 2018 às 08:59

    Eu ainda não assisti o filme, só umas partes do primeiro quando estava passando na globo alguns anos atrás.
    Espero que leia e tire da lista algum dia.
    Beijos.

Mirley · 25 de abril de 2018 às 20:43

Que legal, gostei da resenha!
Ainda não tive a oportunidade de ler está saga. Mas, assim que tiver tenho certeza que gostarei.
//viciada-literariamente.blogspot.com.br

    Nanda · 28 de abril de 2018 às 09:03

    Fico feliz que tenha gostado.
    Leia depois e me diz o que achou c:

Silvana Crepaldi · 26 de abril de 2018 às 16:37

Olá, Nanda.
Eu li essa série toda em uma semana porq

    Silvana Crepaldi · 26 de abril de 2018 às 16:39

    Deu algum erro aqui e publicou o comentário sem eu terminar hehe. Como dizia eu li a série toda em uma semana porque era emprestado e eu precisava devolver. Confesso que me enchi de tanta tragédia e dos livros serem quase todos som o enredo idêntico. E no final só passei raiva de não ter respostas para várias questões que foram levantadas ao longo dos livros.

    Prefácio

      Nanda · 28 de abril de 2018 às 09:04

      Nossa, em uma semana é muito pesado. Eu leio com calma, porque em parte eu “enjoo” da narração repetitiva e passo raiva de nunca dar certo as coisas haha

Tamires Marins · 26 de abril de 2018 às 22:42

Quem lê esses livros é meu sobrinho João Pedro. Ele até resenha lá pro blog e adora as histórias. Não leio porque não sou o público-alvo, não me identifico mais com personagens tão novinhos.

Beijo
– Tami
Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    Nanda · 28 de abril de 2018 às 09:12

    Entendo, mas, quem sabe alguma próxima resenha, o livro não seja mais sua cara? haha’
    Beijos

fuchsbau · 27 de abril de 2018 às 02:05

Like Baudelaire, Mallarmé translated Poe, although I don”t know how famous he was for that. Boris Vian deserves a mention here: his poetry included some 500 songs, many still popular, and he was a diligent translator of American fiction (Raymond Chandler, A. E. Van Vogt, Nelson Algren, and others).

Washington Pereira (Tom) · 27 de abril de 2018 às 17:09

Olá, boa tarde Nanda! Desculpa a demora em aparecer aqui no seu blog, só que o tempo parece ter escapado pelas minhas mãos feito água pelos dedos, haha.

Eu AMO o filme “Desventuras em Série”, já tinha ouvido falar dos livros, só que eu sou meio ruim… Ainda mais quando são livros demais… Eu vejo uma trilogia e já acho extenso, haha! Só que eu pretendo ler esta série a algum tempo, vou procurar numa livraria depois, indo adquirindo um por um, um dia eu terei todos (se bem que não posso ter, pois minha casa é pequena e não tenho um lugar para guardar, aí sempre acaba estragando meus livros. </3).

Novamente, parabéns pela sua escrita! Dessa vez, eu já "conhecia" um pouco da história resenhada, só que despertou minha curiosidade ainda sim, fiquei aqui pensando: "As crianças sempre desmascaravam ele, AS CRIANÇAS e os ADULTOS não viam!", cara, isso é muito zoado… (Pareci até esses manos falando agora, haha!).

Bom, vou me indo… Novamente desculpa a demora! Eu entrei no seu blog umas três vezes, li o post… Mas a preocupação em terminar o bendito trabalho é demais! Ainda mais que fiquei com uma notinha vermelha numa aula prática :'( , mas a vida contínua… Agora me resta aguardar ansioso pelo próximo livro que você irá resenhar, embora eu esteja esperando algum texto seu expressando sua opinião ou algum sentimento seu, pois ando curioso sobre isso :') Enfim. Abraços e muita luz no seu caminho.

    Nanda · 28 de abril de 2018 às 09:15

    Percebo… não tem mais posts novos no seu 🙁
    Adquirindo um por um é uma boa, porque é uma leitura meio “chata” para ler tudo de uma vez.
    Obrigada S2 (shame).
    Esse é um ponto que eu passei muita raiva, principalmente com aquele Sr. Poe. Quantas vezes já não tive vontade de entrar no livro e dar uns tapas na cara dele.
    Não se preocupe, foque nos seus estudos, são mais importantes.
    Fico feliz que goste do meu blog, de verdade. Eu adoro seus comentários.
    Beijos

Alessandra Salvia · 27 de abril de 2018 às 18:15

Olá!
Eu assisto a série e gosto muito, não sei se arriscaria a leitura por ser longa e repetitiva.
Talvez, eu devesse ter lido antes da Netflix adaptar, iria me empolgar mais.
Beijos
//estante-da-ale.blogspot.com.br/

    Nanda · 28 de abril de 2018 às 09:17

    Eu assisti alguns episódios da série e eu achei bem filme até certo ponto, então realmente seria meio chato tentar ler depois, não teria nenhuma novidade. Talvez até se frustaria com algumas coisas que tem na série e no livro não.
    Beijos

Miria · 27 de abril de 2018 às 23:50

Olá!
Eu adoro demais essa série <3 Já li ela duas vezes e pretendo comprar os livros para ler outra vez. O mistério envolvendo os incêndios é o que me fez querer continuar a leitura, mas confesso que muitas coisas ficaram sem resposta para mim, o que é muito triste.
Ainda assim amo essa série!
Beijos
//www.suddenlythings.com/

    Nanda · 28 de abril de 2018 às 09:28

    A curiosidade do mistério me faz querer ler, mas, as narrações repetitivas sempre me desanimam se eu ler por muito tempo.
    Acho que você é a primeira pessoa que conheço que já leu duas vezes haha’
    Beijos!

Cleber Eldridge · 28 de abril de 2018 às 19:08

Eu estava querendo mesmo comprar … todo mundo sempre disse que é bem bom! Eu to quase … hahaha

//clebereldridge.blogspot.com.br/

    Nanda · 7 de maio de 2018 às 23:27

    Compre, talvez você goste haha’

Cássia · 29 de abril de 2018 às 09:42

Estou assistindo a série, estou na metade da segunda temporada e realmente é muito irritante o fato dos adultos nunca perceberem os disfarces de Conde Olaf! Quero muito ler os livros também.

Sora · 29 de abril de 2018 às 10:44

Oi Nanda!
Eu li só o primeiro livro da série, fiquei tão deprimida que perdi a vontade de ler o resto 🙁

Beijos,
Sora | Meu Jardim de Livros

    Nanda · 8 de maio de 2018 às 00:07

    São tristes mesmo, e as coisas só pioram com tanta tristeza que acontece 🙁

Luiza Helena Vieira · 29 de abril de 2018 às 18:46

Oi, Nanda!
Não li os livros, mas cheguei a assistir o filme e uns eps dessa adaptação da Netflix. Particularmente não curti muito, principalmente pela negligência dos adultos com os Baudelaire.
Beijos
Balaio de Babados

    Nanda · 8 de maio de 2018 às 00:10

    A negligência é o que mais tem, afinal, os livros são uma tragédia atrás da outra.
    Beijos

Michele da Silva Lima · 29 de abril de 2018 às 19:49

Oi Nanda, eu acho o box a coisa mais linda! Faz tempo que eu gostaria de ler todos os livros, ainda não perdi a esperança de conseguir rs

Bjs, Mi
O que tem na nossa estante

    Nanda · 8 de maio de 2018 às 00:11

    Lindo mesmo <3 por que ainda não leu? 🙁

    Beijos

Mari Zavisch · 30 de abril de 2018 às 17:07

Oi, tudo bem? 🙂
Eu assisti o primeiro filme da série e não vi mais nada. Eu até gostei do filme, mas não fez muito o meu estilo. Por isso, não tive muita coragem de começar a ler os livros, ainda mais depois de ver que são vários, né? hahaha Gostei da sua resenha, mas não é um livro pra mim!
Beijinhos.

    Nanda · 8 de maio de 2018 às 00:14

    Pelo o que eu me lembre do filme, tem umas coisinhas bem diferentes, mas, se não curtiu muito da premissa, então a leitura seria chatinha para ti.
    Beijos

Monique · 1 de maio de 2018 às 12:10

Eu nunca li os livros, mas quero muito comprar o box, pois já assisti as duas temporadas da série e gostei bastante.. agora só falta começar a ler os livros.

    Nanda · 8 de maio de 2018 às 00:21

    Ainda não assisti a série toda, mas, até onde assisti tinha bastante fidelidade ao livro e depois começou a mudar um pouco. Nada muito brusco.
    Espero que goste c:

Jessica · 1 de maio de 2018 às 18:33

Oie,

Nao li os livros, mas tenho curiosidade em me aventurar.
Bjs
//diarioelivros.blogspot.com.br

    Nanda · 8 de maio de 2018 às 00:26

    São bem legais, acho que você gostaria.
    Beijos

Leidiana Pereira · 2 de maio de 2018 às 13:35

Adorei a resenha do livro, parece ser muito bom de ler.
Se eu tivesse tempo, leria com certeza!
Beijos. ♥
Diário da Lady

    Nanda · 8 de maio de 2018 às 00:26

    são livros muito rápido de ler. Só recomendo a ler em um intervalo de tempo um pouco longo, para não ficar tão triste com as tragédias.
    Beijos

Cassia · 2 de maio de 2018 às 16:28

Oi, Nanda! Tudo bem?!

Eu sou doida pra ler esses livros, já tenho o primeiro mas me falta tempo pra iniciar a leitura 🙁 Quando eu assisti o filme, fiquei encantada com todo esse universo. Também preciso dar uma chance pra série, mas acho que vou tentar ler os livros primeiros… E nossa, acho que vou pegar ranço dessa galera que não sabe que o Conde Olaf é um trambiqueiro, hahaha!

Beijão
//www.procurei-em-sonhos.com

    Nanda · 8 de maio de 2018 às 00:29

    Melhor ler os livros primeiros, porque se não vai levar muito spoiler na série que não levou no filme.
    Mas, passa raiva mesmo, não tem jeito kkkk
    Beijos

Pollyanna Reis · 4 de maio de 2018 às 17:22

Olá Nanda.
Comecei a ler sua resenha e percebi que já tinha visto essa história em algum lugar kkkk.
Assisti o filme e não sabia que era uma série, e gostei bastante de saber isso. Uma série bem longa né, 13 livros. Vou anotar a dica aqui e quem sabe um dia eu consiga adquiri todos e comece a leitura.
Bjos

//www.momentosdeleitura.com

    Nanda · 8 de maio de 2018 às 00:39

    Os livros são tão rapidinhos de lê que nem parecem tão grandes. Em uma tarde da para ler um livro inteirinho, só que como é muito triste, ler rápido só deixa a tristeza maior.
    Beijos

Gabriela · 4 de maio de 2018 às 20:44

OI! Tudo bem?

Infelizmente, nunca consegui me interessas por essa série, não importa o quão bem falem dos livros. Não sei bem o porquê, mas nunca me motivo para lê-la.
De qualquer forma, fico feliz que ela tenha pontos que consiga prender o leitor. Talvez um dia eu leia também, não é?

Beijos.

Magia é Sonhar

    Nanda · 8 de maio de 2018 às 00:44

    Para quem nunca se interessou, certeza que a série seria muito difícil de se ler, porque ela também tem uns pontos negativos chatinhos como a raiva constante dos personagens adultos.
    Beijos

Tamara Mansur · 6 de maio de 2018 às 16:16

Oláá! Tudo bem?
Sou louca para ler essa série! Só assisti ao filme e acho que a história completa deve ser muito interessante!
beeijo

//lecaferouge.blogspot.com.br/

    Nanda · 8 de maio de 2018 às 00:45

    Leia! Você vai gostar bastante se gostou do filme haha’
    Beijos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *